Esportes - Seleção Brazileira

18/06/2018

Intervalo: Brasil tem atuação de altos e baixos na Copa do Mundo da efetividade

Equipe de Tite levou o empate em falha defensiva e não conseguiu buscar o resultado

Intervalo: Brasil tem atuação de altos e baixos na Copa do Mundo da efetividade KHALED DESOUKI/AFP
Neymar pecou pelo excesso de individualidade Foto: KHALED DESOUKI / AFP

Efetividade
A Copa da Rússia já se desenha como a da efetividade. É apenas um reflexo do futebol mundial. Linhas de marcação bem definidas, poucos espaços e muitos confrontos decididos na bola parada.

No caso do duelo de estreia do Brasil, faltou um algo a mais. Aquele mesmo detalhe que fez Coutinho marcar um golaço na primeira etapa: a qualidade. O time de Tite fazia uma partida segura até levar o empate. Depois, até criou boas chances, mas não conseguiu voltar à frente do marcador.

Faltou ver Neymar
No seu primeiro jogo oficial após a lesão, Neymar pouco apareceu. Foi bem marcado e, em alguns momentos, pecou pelo excesso de individualidade. Segurou muito a bola e facilitou o trabalho dos suíços.

Neymar é o diferencial da equipe de Tite e precisa ser efetivo em jogos encrespados como o deste domingo. De resto, a atuação da equipe não foi ruim. Miranda vacilou no gol deles e a dupla Willian e Jesus produziu menos do que podem ofensivamente.

Jogão do domingo
Que baita jogo entre Alemanha e México. Um confronto aberto e cheio de alternâncias. Os mexicanos poderiam ter aberto o placar ainda no começo do jogo e também ampliado a diferença na segunda etapa. Os atuais campeões também desperdiçaram muitas chances claras. Acredito que ambos devem avançar à próxima fase.

De novo, tudo no Centenário
O Caxias repetiu o que fez diante do Maringá. Abriu vantagem fora de casa, mas acabou cedendo o empate em Uberlândia. De novo, precisará vencer no Centenário para chegar ao confronto decisivo pelo acesso.

A maior diferença em relação ao duelo anterior parece estar na qualidade do rival. Os mineiros foram mais contundentes em sua casa. Com isso, devem dar mais trabalho por aqui.

Fonte: Pioneiro/Maurício Reolon

Esportes - Internacional

18/06/2018

Líder em números ofensivos, Nico López pode ganhar espaço na segunda parte do Brasileiro

Além de artilheiro, uruguaio lidera finalizações certas do Inter

Nico López é o artilheiro e tem o maior número de finalizações certas entre os jogadores do Inter ¦ Foto: Fabiano do Amaral

Nico López é o artilheiro e tem o maior número de finalizações certas entre os jogadores do Inter ¦ Foto: Fabiano do Amaral

Nenhum suplente do Inter terminou o primeiro terço do Campeonato Brasileiro com reais possibilidades de assumir uma vaga no time como Nico López. Além das boas atuações na reta final dos primeiros 12 jogos da competição, entrando no decorrer das partidas ou iniciando, o uruguaio lidera dois quesitos que têm preocupado muito a comissão técnica, a torcida e que foram alvos de críticas da imprensa. Além de artilheiro do time, com quatro gols, o atacante tem o maior número de finalizações certas, segundo dados do Footstats.

“Coloquei (Nico contra o Vasco) justamente para fazer o movimento do gol. Contra Corinthians e Sport, no Beira-Rio, as equipes baixaram as linhas de marcação e, quando você enfrenta um time assim, você precisa quebrar as linhas com circulação rápida. Porém, só com isso, em algum momento, você vai precisar cruzar a bola para dentro da área. Então, é preciso de um jogador que faça o enganche por dentro e as infiltrações. O Nico fez muito bem até o momento que eles fecharam os espaços”, declarou Odair Hellmann.

Apesar de ter participado de 10 dos 12 jogos do Colorado e iniciado como titular duas vezes, Nico arrematou 12 vezes certas e seis erradas, sendo o quinto com pior pontaria entre os jogadores. Leandro Damião é o segundo em arremates em direção ao gol e lidera as erradas com 18. Os “concorrentes” de Nico López como William Pottker e Lucca tem números bastante inferiores.

Pottker, que atuou em 11 partidas, chutou 12 vezes errado, ocupando a 3ª posição entre os colocados, e cinco certas, na 5ª colocação. Lucca, que tem 10 jogos, acertou sete chutes e é o terceiro no quesito e o 4º nas erradas com 12. O atacante Rossi, que entrou em oito jogos, com média de atuação de 28 minutos, não aparece entre os cinco primeiros nos dois quesitos. O meia Patrick é quarto melhor nas finalizações certas, com seis, e o segundo nas erradas, com 13.

Alvo de torcedores

Em momento de instabilidade em maio, o uruguaio foi um dos alvos de um pequeno grupo de torcedores que protestaram antes do Gre-Nal no estádio Beira-Rio. No mesmo período, o jogador foi constrangido em uma agência bancária por torcedores que cobravam mais empenho do atleta. Em vídeo gravado durante o ato, ele chegou a dizer que sairia do clube, porém, voltou a atuar e a marcar gols.

A reapresentação está marcada para o dia 24. No dia 4, o grupo viaja para Atibaia, no interior de São Paulo, para oito dias de trabalhos visando o retorno do Brasileirão. O próximo compromisso oficial do Inter é contra o Atlético-PR, no dia 19 de julho, na Arena da Baixada.

Fonte: Correio do Povo

Esportes - Grêmio

18/06/2018

Grêmio irá devolver Maicosuel ao São Paulo

Clube não deve exercer direito de renovar contrato de empréstimo

Grêmio irá devolver Maicosuel ao São Paulo  ¦ Foto: Grêmio / Divulgação / CP

Grêmio irá devolver Maicosuel ao São Paulo ¦ Foto: Grêmio / Divulgação / CP

O elenco de jogadores do Grêmio vai sofrer alterações durante a parada da Copa do Mundo. Um atleta já teve sua saída confirmada. Trata-se do meia-atacante Maicosuel, emprestado pelo São Paulo e que será devolvido ao time paulista. Havia a opção de renovar o contrato dele até o final do ano, mas o fraco desempenho nas oportunidades que ganhou do técnico Renato Portaluppi fizeram com que a direção decidisse não renovar.

O volante Jailson é outro que pode deixar o Grêmio nos próximos dias. A negociação com o Santos está selada, mas o clube paulista anda envolvido com a venda do centroavante Rodrygo para o Real Madrid, e a confirmação da compra de Jailson deve ficar para o retorno das férias. A negociação vai render cerca de R$ 12 milhões aos cofres do Grêmio.

Na avaliação da diretoria, a reposição já está no grupo de jogadores. Renato deverá utilizar jovens que vieram da base, como Kaio e Matheuzinho. Michel, que recupera-se de lesão e já teve bons momentos no time titular, também ganhará oportunidades.

A saída de Maicosuel, por outro lado, pode fazer com que o clube vá ao mercado em busca de um reforço para o setor ofensivo. A avaliação é de que não há um substituto à altura para Everton. O grupo de jogadores segue em férias até o dia 25 de junho, quando se reapresenta para dar início à preparação visando ao segundo semestre. No dia 8 de julho, o Grêmio faz amistoso com o Corinthians.

Fonte: Correio do Povo

Aplicativos


 Locutor Ao vivo


Adilena Jacoby - Locutora

Super Tarde

Peça Sua Música

Name:
E-mail:
Seu Pedido:


Top 5

01.

Gusttavo Lima

Apelido Carinhoso

02.

Zé Neto e Cristiano

Largado ás Traças

03.

Henrique e Juliano

Mais Amor e Menos Drama

04.

Marília Mendonça Part. Bruno e Marrone

Transplante

05.

Luan Santana

2050

Anunciantes